5 meses e as reações

Hoje o Davi completou 5 meses e posso dizer que a cada dia que passa tem sido melhor. Os desafios mudaram, claro. Primeiro ele mamava vááárias vezes ao dia, mas também dormia boa parte do dia. Hoje ele é super objetivo nas mamadas porém passa bons períodos acordado e nesses períodos quer atenção e brincadeira. A gente se vira pra inventar, saí pra passear, mostra janela, coloco no sling e vai junto guardar a louça, pendurar roupa. Mas o mais divertido e gostoso tem sido as reações dele. Sabe aquela lei de Newton transformada em ditado "toda a ação tem uma reação"? Poisé o dendenko aprendeu e agora não há mais nada que passe por ele sem que ele demonstre seus sentimentos e opiniões.
Ele se joga pro balde, acorda o Felipe, ri quando vê o peito, vira a cara pro peito quando não tá com fome. Grita pra chamar a gente, estende a mão pra água no chuveiro. Se vira e procura as nossas vozes. Já sabe que o nome dele é Davi e também reconhece os mil apelidos dele. Tem um caso louco de amor com o Felipe. Sério, é fofo demais de ver. Ele já sabe que a mãe é tipo sono, fome, banho, aconchego. Quando ele quer zoeiras é direto com o pai. As vezes ele dá gargalhada só do Felipe entrar no cômodo.
Ele faz carinho, puxa o nariz eu quase deixa a gente cego! Continua sendo um anjo, chorando super pouco.
Mas agora ele FALA, sim! Eu ainda tô tentando uma matrícula no curso de Davizês e olha gente é super complexo. Mas sei pela entonação (chique né?) se é falando feliz, reclamando, com sono...
Continuamos a amamentação exclusiva, dieta sem leite de vaca e nem traços e rumo aos 6 meses sem provar qualquer outro alimento (sim, nem sentir o gostinho ainda não rolou).
Tá muito bom, mesmo. Não quero mais nada da vida, só ele pode?