A Saga do Cadeirão - IA #3

Vocês já sabem que eu vinha me preparando bem antes para a Introdução Alimentar e a pesquisa pelo cadeirão estava na lista das preparações. Queria gastar o mínimo possível já que no mesmo mês tivemos vacinas particulares e viagem a Curitiba (que ainda pretendo falar pra vocês, será que dá tempo pra tudo? HAHAHA). Um cadeirão humilde novo custa pelo menos 150 reais. Eu já tinha visto alguma coisa com as outras mães e dado também uma olhada na internet. Fiquei em dúvida entre um modelo tradicional e um portátil. Comentei no Grupo da Cris, algumas deram suas opiniões e fui nas lojas ver as opções ao vivo.
Descartamos parcialmente o portátil, seria uma ótima para as saídas de casa (frequentemente vamos com o Davi para a casa dos avós) mas para as nossas cadeiras não ficaria muito seguro.
Chegamos em uma loja e a moça me mostrou um da Chicco, o tal do Polly. Gamei na hora, porque tinha regulagem de altura (mãe baixinha), dobrava e reduzia muito de tamanho.  Só não gostei foi do preço 700 realidades. Procurei um monte na internet e em lojas físicas o menor preço que consegui foi 650 reais. 

Fiquei com aquilo matutando na cabeça, poderíamos sim fazer uma força e comprar o bendito. Mas poxa eu penso todo dia em criar um filho menos consumista, aí eu vou lá e compro um cadeirão que custa mais que o salário mínimo? Não dá né gente?! 
Acabei encontrando uma opção mais razoável, da Lenox por 350
. Mas pra ver ao vivo só tinha em Balneário Camboriú, tudo bem, marquei de ir na loja com os meus pais no final de semana.
Aí que surge uma pessoa maravilhosa chamada Elisa, mãe do André, que me diz que tem um cadeirão da Chicco a venda em uma lista de e-mails que ela participa por 100 reais!! Na hora eu entrei em contato com a moça, no mesmo dia marquei de ir ver o tal. Cheguei lá era o Polly só que já tinha sido muito bem aproveitado pelas duas filhas da moça. Ela tinha refeito a capa porque a original rasgou estava com todas as funções em perfeito estado. Era esse, negócio fechado.Ah e o Davi ainda ganhou de brinde um joguinho de blocos! Tava com cara de acabadinho, mas no fundo descobri que era mais sujeira mesmo, porque estava encostado há tempo na casa dela.
Eu como boa neta de Dalma que sou, peguei o sapólio liquido, escova de dente, esponja e palito e limpei tudo. Ficou novo, ficou lindo!! 
Fui dormir a mãe mais realizada do mundo, com um cadeirão que eu queria, num preço justo.


Já acho esse bem mais bonito por causa da história!

Ah  a nossa manifestação mudou de data, vai ser no DOMINGO! Se você não puder ir, ajude pelo menos a divulgar, mais detalhes aqui.