BLW: introdução de sólidos na alimentação do bebê

Você já ouvir falar sobre Baby Led Weaning (Desmame Guiado pelo Bebê)? É a introdução alimentar com sólidos que permite que o bebê desenvolva sua autonomia. Uma alimentação sem o uso e colheres, mingaus ou papinhas, guiada pelo próprio bebê, permitindo que ele pegue os alimentos em pedaços e leve até a boca sem a ajuda de outras pessoas.

Nome criado pela agente de saúde britânica Gill Rapley, autora do livro Baby-led Weaning: Helping Your Baby to Love Good Food (em tradução livre, Desmame Guiado pelo Bebê: Ajudando seu Filho a Amar Boa Comida), o método tem conquistado cada vez mais adeptos.

A ideia é que bebê explore as texturas e os sabores individuais de cada alimento ingerido, deixando que ele se sente a mesa e participe das refeições familiares já a partir dos 6 meses de vida.

 

Dicas:

  • É importante que o bebê esteja sentado e ereto para ter o controle e não aumentar os riscos de engasgar.
  • É necessário disponibilizar alimentos apropriados, que a criança consiga pegar com as mãos e levar a boca sozinha, sem caroços, cascas ou sementes. Legumes cozidos são mais macios e fáceis para comer, como cenoura em tiras ou ramos de brócolis.
  • Optar por alimentos saudáveis.
  • Não tente ajudar o bebê a comer. Se ele não consegue sozinho provavelmente ainda não está pronto para ingerir aquela comida de forma segura.
  • Esqueça os pratos no início, eles podem distrair a criança, tirando o foco da alimentação. Disponha a comida direto na mesinha.
  • Não apresse o bebê, deixe que ele leve o tempo necessário para se alimentar.
  • Busque grupos no Facebook, páginas no Instagram com dicas de alimentos. Converse com pessoas que são adeptas do método.

É provável que no início o bebê passe mais tempo brincando com a comida do que realmente comendo. É normal! Não insista, cada bebê reage de um jeito aos primeiros contatos. Tente em outro horário ou no dia seguinte. O principal objetivo não é fazer ele comer logo, mas sim introduzir os alimento sólidos.

Se preferir você pode intercalar as papinhas com o BLW. Vale ressaltar que cada família tem uma rotina e se adapta de maneiras diferentes a cada fase da criança.

Para lembrar: Até 1 ano o leite materno continua sendo o principal alimento e fonte de todos os nutrientes necessários do seu bebê.

 

Contraponto:

A Sociedade Brasileira de Pediatria não recomenda totalmente o método. Em maio deste ano eles lançaram um guia sobre alimentação complementar que traz orientação sobre o BLW. De acordo com o guia, “profissionais de saúde e sociedades da Nova Zelândia, Canadá e Estados Unidos não recomendam oficialmente o BLW”. Veja o documento completo AQUI.