Transição para fraldas ecológicas: o relato das mães sobre essa fase

Depois do lançamento dos kits Transição Dino e Vitória, chegou a vez de mais novidades. Lançamos hoje o Kit Transição Raposa e o Kit Transição Carneirinho. Você pode conferir mais detalhes dos produtos AQUI.

E para incentivar quem quer iniciar o processo de substituir as fraldas descartáveis pelas ecológicas, pedimos para as mães do grupo do Facebook “Clube das Fraldeiras Nós e o Davi” darem seus relatos de como foi, ou está sendo, essa mudança para elas e seus bebês.

Leia e inspire-se!

Laura Massunari, mãe do Mathias, de 9 meses

Uso desde os dois meses do meu filho, as da Nós e o Davi e de outras marcas. Comecei apenas de dia, tentando acertar os ajustes de perninhas para o xixi não vazar - o de vocês, com elástico e casinha de botão, é o melhor esquema! O cocô também foi super tranquilo de limpar, o lance de lavar sem sabão também foi fácil pra me adaptar. Mas à noite ainda vazava bastante. O pessoal de casa achava meio "tanajura" demais pro bebê, que logo começou a se movimentar. Mas como meu marido apoiou a ideia, e percebeu a economia que a fralda de pano representava, segui em frente.

Aqui em Rondônia é muito quente, o pano é um ponto positivo. A combinação de absorventes, que podem ser usados por fora da capa, também é algo muito versátil, prático, e sinceramente, não dá trabalho nenhum cuidar da limpeza das fraldas.

Hoje, uso até pro Mathias dormir, e ele se adaptou super bem, não atrapalha a movimentação dele, o sono, nada. Evitou também a tal da dermatite, que uma das dermatologistas às quais o levei diagnosticou. Ainda usamos a descartável quando o estoque de fraldas de pano limpas acaba, rs. Ou na rua. Depende muito do ritmo do dia, mas essencialmente, usamos de pano. Fui criada com fralda de pano e calça plástica à moda antiga, e gostei da experiência recriada - minha mãe já não gostou muito.

Uma dica pras iniciantes é: paciência, perseverança e não dê trela pros palpites e experiências ruins de outras pessoas. A economia com pomada e fralda descartável e a redução do lixo valem muito a pena.

 

Beatriz Vila Nova, mãe do Eric, de 1 ano e 1 mês

Comecei a usar a fralda de pano aos 6 meses do Eric. No início era só pela manhã , era o horário que eu tinha mais disponibilidade pois estava com ele sempre. Aos poucos fui adaptando meu esposo e minha mãe para o período da tarde, minha mãe já havia até desaprendido, 29 anos depois. Ela achou ótimo.

A noturna veio em seguida, pois já tinha experimentado combinações de absorventes e pra nós deu certo o meltom G + Cremer. Após a noturna, passamos a sair com a fralde de pano. Essa deu um pouco mais de trabalho quando era fralda de cocô, pois a limpeza previa se torna mais complicada dependendo do lugar aonde irá. Recomendo que tenha uma bolsinha impermeável para as fraldas de xixi e uma pequena para as de cocô. Vale a pena também ter um modelo de cada pelo menos pra achar a melhor para o bebê (nós temos ??).

E é isso, a transição total levou uns 2 meses, agora só mantenho a boa manutenção nas fralda de pano, assisto os vídeos do Canal Nós e o Davi e fico ligada nas dicas do grupo. Ainda quero aumentar o enxoval, pois cada uma é mais linda que a outra ?.

 

Tainá Guimarães Barros, mãe de Abigail, 4 meses, Pará

Estou na fase de transição.
Minha filha está com quase quatro meses. Iniciamos a transição há uma semana, começamos apenas no período da tarde. Já estamos usando durante o dia todo.
Ainda uso descartável à noite, pois ela tem dermatite atópica e aqui em Belém (PA) é muito quente e comumente precisa usar pomada de grande efeito hidratante (com óleo de fígado de bacalhau).
Conheci a cultura das fraldas de pano modernas por uma amiga jornalista que usou com seus filhos. E agora no puerpério tive grande incentivo da minha cunhada que adotou com meu irmão as fraldas de pano para minha sobrinha.
Meu marido se motivou e todos embarcamos nessa gostosa aventura. Engraçado que toda a família se envolve e até meu pai (avô) está gostando da ideia, pois ele alega que as crianças ficam bonitas com as fraldas coloridas sem aparência de desleixo que as descartáveis dão quando as crianças não estão vestidas.
Ainda estamos superando os vazamentos e otimizando o processo de lavagem.

 

Melissa Freitas, mãe do Mikhael, de 7 meses

Comecei há uma semana. Meu bebê tem 7 meses. Uso durante a tarde. Por enquanto estou usando como absorvente a fralda cremer fora do bolso, pois meu bebê estava com assaduras e precisa usar pomada.

Estou muito satisfeita, pois meu bebê está bem mais tranquilo! Ainda estou fazendo meu enxoval. No período da noite o bebê ainda usa fralda descartável.

 

 

Cleo Silva, mãe do Benjamim, de 1 ano e 10 meses

 Eu iniciei o uso de fralda de pano após 1 ano no meu bebê. As minhas primeiras fraldas de pano nacionais foram da Nós e o Davi.

Nunca tinha ouvido falar em fralda de pano. Conhecia somente a calça enxuta. Aos 9 meses meu filho foi diagnosticado com dermatite atópica e começaram a surgir alergias no corpo e na região de fralda. Num grupo me falaram da fralda de pano e aí fui pesquisar.
Comprei umas chinesas e usava só a noite e de dia a descartável. Comecei a usar de dia também e meu filho teve alergia das chinesas. Consegui trocar algumas chinesas em ND e comprei mais algumas. Hoje uso fralda de pano o tempo todo. Descartável só quando não dá tempo de secar ou alguma outra eventualidade.

A transição não foi fácil, mas aprendi muito com amigas que foram super importantes e pacientes comigo nesse processo. Me ajudaram muito com as combinações de absorventes, os ajustes das fraldas. Amo minhas fraldinhas!

 

Liliana Corrêa, mãe de Matheus, de 38 dias

Estamos usando fralda de pano todos os dias do meio da manhã até a tarde. Como meu bebê é muito pequeno e tenho apenas duas fraldas recém-nascido estamos nos adaptando assim, aos poucos.

Tenho Nós e o Davi somente. Estou amando as fraldas de pano. Já tive um dia vazou porque não fiz o ajuste direito, mas também tem os dias que da super certo . Comecei essa rotina tem umas duas semanas. A ideia é aos 2 meses estar com uso de fraldas de pano exclusivo.

 

 

 

 

 

Sanny Sousa, mãe da Sofia de 1 ano e 1 mês

Sofia iniciou o uso da fralda de pano há uns 6 meses. Ela tinha 7 meses na época e vivia assadinha, as pomadas não estavam resolvendo e nenhum tipo ou marca resolvia.

Então lendo sobre o assunto achei as fraldas Nós e o Davi. Assisti TODOS os vídeos do YouTube e amei a ideia. Iniciei com apenas 6 fraldas. Usava um dia de pano e no outro fralda descartável pois as de pano estava lavando e secando e assim vimos a diferença gritante de um dia pro outro.

Então resolvemos, seria apenas fralda de pano. Fizemos nova compra e AMAMOS. Já nessa época, após apenas 15 dias já estava em uso exclusivo das fraldas de pano e não troco por nada nesse mundo. Amamos demais nossas fraldas Nós e o Davi!

 

 

 

Júlia Matos, mãe do Enzo, de 1 ano e 1 mês

Eu fiz a transição há 10 meses. Acho que meu amor por usar fraldas de panos coloridas, lindas e diferentes me deixou super empolgada.

A minha maior dificuldade foi financeira. Todas que tenho foram doadas por várias mães dos grupos de fralda de pano que me ajudaram muito. Montei um projeto pra ajudar outras mães que precisam. Arrecadamos fraldas, capas, absorventes para passar a mães que passaram por dificuldades como eu. A dica que tenho para todas é: não desistam mesmo nas dificuldades e cansaço. Você não irá se arrepender de ter escolhidos as fraldas de pano.